Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Premiação eclética

TST dá medalha a técnico Bernardinho, ministro Teori e designer de joias

Celebridades, jornalistas, magistrados e advogados devem passar nesta sexta-feira (11/8) pelo tapete vermelho do Tribunal Superior do Trabalho para receber a Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho. A premiação, que ocorre desde 1970, é conhecida pela lista variada de agraciados: nesta edição, por exemplo, entraram o técnico Bernardinho — que anunciou neste ano a saída da seleção brasileira de vôlei — e a designer de joias Carla Amorim.

Técnico Bernardinho foi um dos escolhidos.
Reprodução/Site oficial CBV

Eles foram escolhidos com mais 11 pessoas na categoria Oficial, que inclui professores de universidades, juízes, promotores, servidores e artistas. Também estão entre os homenageados a jornalista Renata Lo Prete e os advogados Alípio Alves Torres Junior, Edward Alves Peixoto e Paulo Sérgio Marques dos Reis.

A presidente do Supremo Tribunal Federal, ministra Cármen Lúcia, encabeça a lista de personalidades, sendo promovida ao grau Grão Colar (maior nível).

Empresária e designer Carla Amorim será uma das agraciadas pelo TST nesta sexta.
Divulgação/vaporbaiano

O grau logo abaixo, de Grão Cruz, foi concedido ao ministro Teori Zavascki (morto em janeiro deste ano, na queda de um avião); à presidente do Superior Tribunal de Justiça, ministra Laurita Vaz, e a outras quatro pessoas.

O Instituto Ayrton Senna foi a instituição escolhida para receber o “prêmio”. Segundo o TST, a Ordem do Mérito reconhece o trabalho de “personalidades civis e militares, nacionais ou estrangeiras, que tenham se distinguido no exercício de suas profissões e se constituído em exemplo para a coletividade, bem como as pessoas que, de qualquer modo, hajam contribuído para o engrandecimento do país”.

Em edições anteriores, também foram lembrados os atores Wagner Moura, Dira Paes e José de Abreu, o médico Dráuzio Varella, a apresentadora Hebe Camargo e a dupla sertaneja Chitãozinho e Xororó. Com informações da Assessoria de Imprensa do TST.

Clique aqui para ler a lista dos homenageados.

Revista Consultor Jurídico, 11 de agosto de 2017, 17h35

Comentários de leitores

3 comentários

Fizeram o quê?

O carinha que mora logo ali (Outros)

Medalhas pelo quê? Pelos relevantes serviços prestados ao
Brasil? Sei... Só esquerdistas mamadores da Lei Rouanet, é o fim!!!

Fizeram o quê?

O carinha que mora logo ali (Outros)

Medalhas pelo quê? Pelos relevantes serviços prestados ao
Brasil? Sei... Só esquerdistas mamadores da Lei Rouanet, é o fim!!!

Medalhas

O IDEÓLOGO (Outros)

Também as mereciam o jogador de futebol Neymar Júnior, o Ministro do STF, Barroso, o Ministro do Trabalho, o professor Ives Gandra da Silva Martins, o autodidata, dramaturgo, filósofo e compositor, Doutor Eduardo Banks, o economista Gustavo Franco, e o juiz Sérgio Moro.

Comentários encerrados em 19/08/2017.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.