Consultor Jurídico

Notas Curtas

Por Leonardo Léllis

Blogs

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Eficiência judiciária

1ª Vara Criminal de Teresina zera processos conclusos para sentença

A 1ª Vara Criminal de Teresina (PI) não tem nenhum processo que já poderia ter sido julgado, mas ainda não o foi. Na semana antes do Carnaval, o juiz da vara Carlos Hamilton Bezerra comunicou ao presidente do Tribunal de Justiça do Piauí, desembargador Erivan Lopes, a inexistência de processos conclusos para sentenciado ou réu preso. “Nosso resíduo já era baixíssimo, tanto que nem fomos incluídos no mais recente mutirão criminal”, afirma o juiz Carlos Hamilton.

“Os magistrados são profissionais esforçados, que infelizmente são colocados como pouco afeitos ao trabalho em detrimento de salários considerados altos e outras vantagens. É preciso que fatos como esse, de uma vara criminal de uma capital zerando seus processos conclusos, venham ao conhecimento da população para reverter essa imagem, que não condiz com a realidade”, disse. Com informações da Assessoria de Imprensa do TJ-PI.

Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 4 de março de 2017, 10h03

Comentários de leitores

4 comentários

Trabalhador

Lauro Soares de Souza Neto, advogado em Marília-SP (Advogado Autônomo - Criminal)

Embora Marília, SP, não seja uma Capital, existe um Juiz, da Vara de Menores, Dr. José Roberto Nogueira Nascimento, que mantem zerado o numero de processos conclusos, seja para sentença, seja para decisões outras. A pauta de audiências não passa de vinte (20) dias. Por que? Porque ele trabalha. Não tem horário e dentro do expediente. Faz jus aos polpudos salários e demais penduricá-lhos que recebe. Parabéns a ele e ao similar de Teresina. Os colegas deviam copiá-los. Preferem atribuir ao advogados a demora no andamento do processo. O juiz trabalhador é um sonho do jurisdicionado.

noticia incompleta totalmente.... nem tem dados.

analucia (Bacharel - Família)

noticia incompleta totalmente.... nem tem dados.... não informa quantos processos novos recebe mensalmente a vara....número de prescrições.... número de audiências..... número de sentenças...... ora, basta não permitir que a Secretaria faça conclusão de processos e se consegue zerar o estoque para sentença....., pois o gabinete do juiz fica lindo, mas a secretaria o caos.... Ora, quantas sentenças prolatou neste mês ? Quantas de prescrição ? Se não tem instrução é fácil zerar sentenças.... notícia muito ruim.... pode até ser que o trabalho do juiz seja bom, mas não dá para saber pela notícia...

Aplausos para o Dr. Carlos Bezerra !!!

Rejane Guimarães Amarante (Advogado Autônomo - Criminal)

Ele mostrou que é possível, mas, data maxima venia, a realidade dos outros magistrados é bem diferente.

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 12/03/2017.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.